Crianças na quarentena. Como fica a exposição solar e vitamina D? | Protetor Brazinco
Crianças na quarentena. Como fica a exposição solar e vitamina D?

Novo Colunista no Blog Brazinco

Temos mais um reforço para o time do Blog Brazinco. O Dr. Eduardo Maranhão Gubert é um pediatra curitibano, que assim como o Brazinco, é louco por sol aventura e saúde.

Dr Eduardo em Ação!

O Dr. Eduardo vai colaborar com dicas para cuidarmos cada vez Melhor dos nossos pequenos!

Crianças na quarentena

Imagine um dia ensolarado e várias crianças brincando ao ar livre! Cena corriqueira antes de 2020. Esse mix propiciava mais bem-estar, produção de endorfinas, regulação do sono e do ciclo circadiano de adultos e crianças.

Hoje em dia, essa cena ficou mais rara em um mundo que está evitando aglomerações. Vamos nos adaptando e buscando essa exposição ao sol de maneira mais isolada e protegida. Com isso, dúvidas em relação a tempo de exposição solar para as crianças e preocupação com vitamina D ficaram mais frequentes.

Vitamina D nunca sai de Moda

Ela nunca sai de moda. Nesse período de confinamento, a vitamina D se tornou uma preocupação nos consultórios de pediatria pela menor exposição solar das crianças. A conversão da vitamina D para sua forma ativa depende de radiação UVB, que incide mais nos horários próximos do meio-dia (10-15h). Tanto crianças, como adultos, precisam dela.

Mas uma boa saúde não depende exclusivamente do seu nível de vitamina D. A proteção dos raios ultravioletas também é necessária para prevenção de vários tipos de câncer de pele, queimaduras solares e envelhecimento precoce da pele.

Precisamos, portanto, de vitamina D e de foto proteção.

Como resolver esse problema?

Como que nós médicos acabamos resolvendo isso? Sempre suplementamos lactentes menores de 1 ano com 400 UI/dia de vitamina D, incentivamos a ingestão de alimentos ricos em vitamina D para crianças maiores, e as protegemos com filtros solares.

Protetor não impede a conversão da Vitamina D

O mito de que os filtros impedem totalmente a conversão da vitamina D não se confirma, visto que uma pequena porcentagem de UVB já é suficiente para que isso aconteça. Como exemplo, um filtro com FPS (Fator de Proteção Solar) 50 consegue filtrar 98% da radiação UVB. A pequena porcentagem que acaba “passando” é suficiente para essa ação.

Determinar quanto tempo é necessário para que ocorra a conversão da vitamina D é perigoso. O mais prudente é sempre estimular a segurança das crianças expostas ao sol, pensando nas medidas de barreira, busca de sombras, horários adequados e principalmente o uso de um protetor solar seguro para seu filho.

O pediatra acaba tendo um papel importante nesse aconselhamento aos pais, visando o exemplo de foto proteção e prevenção de doenças a médio e longo prazo.

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escrito por: Equipe Brazinco

Leia mais:

Dicas de Alimentação para manter a saúde no Outono

Dicas de Alimentação para manter a saúde no Outono

O conforto de uma estação com temperaturas mais amenas, a tentação de comer comidas quentes e mais calóricas são algumas das mudanças que ocorrem no Outono, mas precisamos alinhar tudo isso com uma alimentação que ajude nosso corpo a funcionar corretamente, certo?...

Guarda-vidas, os heróis de nossas águas

Guarda-vidas, os heróis de nossas águas

As águas sempre exerceram um fascínio sobre o homem. De lá tiramos nosso alimento, usamos mares, rios e lagos como transporte e muitas vezes, da água vem nossa fonte de renda. A maioria das civilizações antigas cresceu junto ao mar ou grandes concentrações de água....

Pele Saudável começa pela higiene adequada

Pele Saudável começa pela higiene adequada

Já conversamos muito sobre proteção solar, mas ainda não falamos sobre uma duvida muito frequente no consultório: como fazer a remoção do produto adequadamente. O protetor solar assim como maquiagem e poluição, tem ação oxidante quando permanecem por muito tempo na...