Pesca da Tainha começa em Santa Catarina – Fique atento às regras para a o Surf | Protetor Brazinco
Pesca da Tainha começa em Santa Catarina – Fique atento às regras para a o Surf

Dia 1 de maio começou a temporada da pesca da tainha no estado de Santa Catarina. Durante este período, principalmente no sul do estado, o surf fica limitado na região. Algumas praias são totalmente vedadas ao esporte, outras ficam abertas na temporada inteira e ainda há aquelas que funcionam com sistemas de bandeira.

Essa proibição já gerou muita violência, discussões e polêmicas; mas hoje com acordos entre as associações de surfistas e os pescadores, os conflitos estão bem mais amenos e raros.

Os dias do bambu nas costas podem ter ficado no passado, mas o assunto ainda gera discussão, principalmente com o crescimento do surf, e o turismo no estado que é focado no esporte.

A Pesca da tainha

A pesca artesanal da tainha é uma atividade secular no Sul e no sudeste do país. Sempre feita no inverno, época em que os peixes migram da Argentina, Uruguai e Rio Grande do Sul, mais precisamente da Lagoa dos Patos, para o norte do país.

A pesca artesanal é uma alternativa à pesca industrial, que já foi feita em larga escala no passado causando diversos danos ao ecossistema.

Além de fonte de renda, a pesca da tainha também é uma tradição cultural esperada por diversas comunidades do litoral; que preparam e reformam seus ranchos já no começo do outono.

Surf e a Pesca

O período da pesca da tainha vai de maio até o final de julho, mas as regras e as datas exatas para a proibição do surf são estabelecidas municipalmente.

As regras valem para diversos picos clássicos do sul do país: Garopaba, Imbituba, Florianópolis, Farol de Santa Marta, Balneário Camboriú, Itajaí, Bombinhas, Itapema e Guarda do Embaú estão na lista com algumas restrições.

Regras Municipais

Em Florianópolis, na capital do estado, praias como Joaquina e Mole estão liberadas durante toda a temporada. O mesmo acontece com outro pico conhecido da região, a Praia da Rosa, o canto norte está liberado o inverno todo, já no canto Sul, o surf vai acontecer com o sistema de bandeiras.

Na Guarda do Embaú, um dos picos mais frequentados da região, o surf só estará liberado na Prainha. A boca do Rio da Madre agora só poderá ser surfada em julho.

A melhor forma de saber como está o surf na região que você mora ou pretende visitar é conversando com os pescadores locais ou com as associações de surf em cada praia.

O respeito mútuo pode fazer ambas as práticas perdurarem por muito tempo, fazendo a alegria dos surfistas e enchendo a mesa de comida da população local.

O que vocês acham dessa proibição? Não esqueçam de deixar sua opinião nos comentários.

Fotos: Waves, Garopaba Midia, Nd Mais, Marcio David, shotspot

 

 

 

 

 

 

 

 

 

0 comentários

Enviar um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Escrito por: Equipe Brazinco

Leia mais:

Playlist Brazinco Spotify Active Winter

Playlist Brazinco Spotify Active Winter

50 Músicas para você manter sua atividade favorita no Inverno! O Blog Brazinco preparou mais uma playlist para você jogar a preguiça para longe e manter sua rotina de treinos nas temperaturas mais baixas do ano! Agora coloca seu fone de ouvido e se prepare para uma...